Luís Paixão Martins em conferência na Reitoria da U.Porto

Luís Paixão Martins

Luís Paixão Martins é considerado um dos pais das Relações Públicas em Portugal.

Luís Paixão Martins, fundador de umas das principais agências de Comunicação e Relações Públicas portuguesas, vai proferir uma conferência no Salão Nobre da Reitoria da Universidade do Porto intitulada “A Queda das RP e a Ascensão de Não Sei o Quê”.

Com entrada livre, a conferência realiza-se às 11 horas do dia 6 de novembro, no âmbito da assinatura do protocolo de colaboração entre a Faculdade de Letras da U.Porto (FLUP) e o NewsMuseum, o futuro museu da notícia nacional que ficará instalado em Sintra.

De acordo com o seus promotores, o NewsMuseum terá como programa «dar a conhecer, a compreender e a promover a relevância, a evolução, as personagens e os mecanismos do sistema mediático, ao mesmo tempo que ajuda a enquadrar episódios da nossa história recente a partir dos relatos de jornais, rádios, televisões e media sociais».

NewsMuseum_300x200

Fachada do futuro NewsMuseum, em Sintra.

O protocolo entre a FLUP e o museu tem em vista o desenvolvimento de projetos de investigação, programas e ações dedivulgação nos domínios da Comunicação e a criação de um programa de estágios profissionais que será proporcionado pelo NewsMuseum a estudantes ou recém-licenciados da FLUP.

A colaboração será oficializada, numa cerimónia que irá preceder a conferência, por Fernanda Ribeiro, diretora da Faculdade de Letras da U.Porto, e por Luís Paixão Martins, presidente da Associação Acta Diurna, promotora do NewsMuseum.

A conferência do fundador da LPM Comunicação e posterior debate será moderado por Vasco Ribeiro, docente do curso de Ciências da Comunicação da Universidade do Porto.