Livro aponta caminhos para a Psicologia do século XXI

Obra é coordenada por Luís Fernandes, professor na FPCEUP. (Foto: DR)

(…) A sabedoria é tudo quanto faz de nós mais pessoa e não apenas pessoas de mais ciência. Este compromisso da ciência com a vida é mais central ainda quando essa ciência é a Psicologia, pois esta deu-se a si própria a tarefa de estudar os indivíduos no seu comportamento e no seu psiquismo. É, portanto, um conhecimento que é conhecimento de si”. Este é o mote para “Conhecimento de si na sociedade do conhecimento – Cinco textos inquietos”, livro que vai ser apresentado esta terça-feira, 20 de fevereiro, na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da U.Porto (FPCEUP).

Coordenado por Luís Fernandes, professor na FPCEUP com trabalho de investigação de relevo nas áreas do comportamento desviante e do controlo social, o livro reúne cinco textos escritospor psicólogos que não estão acomodados ao que estudam e praticam” e que, em conjunto refletem sobre o estado e os caminhos a percorrer pela psicologia no século XXI.

A partir daqui procura-se “suscitar o prazer da discussão em torno de temas centrais para a identidade dos psicólogos, mas centrais também para todas as outras pessoas — porque o que os psicólogos fazem é trabalhar com as problemáticas onde se desenrola o essencial da experiência humana”, lê-se na sinopse da obra.

Para além dos  textos de Luís Fernandes, a obra conta ainda com os contributos de Maria Teresa Sá, psicóloga clínica e psicanalista e professora na ESE de Santarém; João Salgado, professor no ISMAI e investigador na área do tratamento da depressão; Miguel Ricou, professor na Faculdade de Medicina da U.Porto (FMUP), e Eduardo Sá, psicólogo clínico e professor na Universidade de Coimbra e no ISPA.

A entrada é livre.