Jose Ignacio Linazasoro é o orador da Conferência Marques da Silva 2017

Jose Ignacio Linazasoro (Foto: DR)

Jose Ignacio Linazasoro, conceituado arquiteto espanhol e professor catedrático da Escuela Técnica Superior de Arquitectura di Madrid, é o orador convidado da edição de 2017 das Conferências Arquiteto Marques da Silva.

A decorrer no dia 26 de outubro, às 18h30, no Auditório Fernando Távora da Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto (FAUP), a conferência é de entrada livre, apenas sujeita à lotação da sala.

Considerado como um dos mais prestigiados arquitetos espanhóis da sua geração, Jose Ignacio Linazasoro propõe-se apresentar nesta conferência, que intitulou “La memoria del orden. Algunos Proyetos alguns dos seus projetos mais significativos, em contraponto com o suporte teórico que sustenta a sua trajetória de arquiteto.

“Considero que a minha trajetória como arquiteto se fundamenta também num pensamento teórico estreitamente vinculado aos meus projetos”, revela o próprio na sinopse da conferência, explicando que “A relação entre arquitetura e cidade e permanências constitui o suporte teórico de toda a minha trajetória. A partir desse ponto de vista, referir-me-ei a alguns dos meus projetos mais significativos, mais ou menos recentes, mas que melhor se relacionam entre si e com as formulações teóricas a que aludi”.

Jose Ignacio Linazasoro obteve reconhecimento internacional com obras como as habitações em Mendigorría (Navarra, 1980), o Restauro da Igreja de Santa Cruz de Medina de Rioseco (Valladolid, 1988), a Biblioteca da UNED (Madrid, 1993), o Convento de Santa Teresa (San Sebastián, 1991), a Reabilitação do Hospital del Rey (Melilla, 1996), a Reabilitação da Igreja de San Lorenzo (Madrid, 2001), 0 Centro Cultural Escuelas Pías de Lavapiés (Madrid, 2004), o edifício Urban Galindo (Baracaldo, 2007), remodelação da Praça e enquadramento da Catedral de Reims (2008), ou mais recentemente, a Praça dos Amantes (Teruel, 2014)  ou a Ampliação do Edifício do Conselho do Departamento e Centro de Congressos em Troyes (2014).

Juntamente com Rodrigo Sánchez, é um dos membros fundadores da sociedade Linazasoro&Sánchez Arquitectura SLP, sedeada em Madrid, mas também um académico prolífero, autor de livros de referência na arquitetura contemporânea, como “La memoria del orden. Paradojas del sentido de la arquitectura moderna” ou “Evocando La Ruina: Sombras Y Texturas“.

As Conferências Arquiteto José Marques da Silva, organizadas pela Fundação Marques da Silva, são de periodicidade anual e contam com o apoio da Faculdade de Arquitetura da Universidade do Porto e da Ordem dos Arquitetos – Secção Regional do Norte. Esta iniciativa está integrada no programa do Mês da Arquitetura.

A apresentação do conferencista nesta edição estará a cargo de Madalena Pinto da Silva, professora da Faculdade de Arquitetura da U.Porto.