Investigação da Faculdade de Farmácia mostra-se à comunidade

Os eventos destinam-se à comunidade académica da Universidade do Porto

Os eventos destinam-se a toda a comunidade académica da Universidade do Porto. (Foto: DR)

Durante o mês de maio, a Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto (FFUP) organiza um conjunto de cursos, conferências e encontros no âmbito dos projetos de investigação desenvolvidos na faculdade. Essencialmente destinados à comunidade académica, os eventos são, no entanto, abertos à comunidade da Universidade do Porto.

O mês arranca com o curso Non-clinical efficacy and safety, inserido no âmbito do Programa Doutoral de Medicina e Inovação Farmacêutica (I3DU). Durante três dias (3 a 6 de maio), serão abrangidas as principais classes terapêuticas de medicamentos, e aspetos relacionados com os atributos de segurança pré-clínicos.

No dia 5 de maio, pelas 14h30, decorrerá a II Tarde Cosmetológica promovida pela docente Isabel Almeida (Laboratório de Tecnologia Farmacêutica da FFUP) e por estudantes da unidade curricular de Cosmetologia. Ao longo da tarde os participantes poderão realizar o seu diagnóstico cutâneo, e receber aconselhamento personalizado sobre cuidados de rosto.

O dia 11 de maio será marcado por dois eventos: o “II Encontro de Geofarmácia”, e as “Conferências do Pedagógico”. Com início às 9h30, e tendo como responsável da organização Delfim Santos (professor do Departamento de Ciências do Medicamento, Laboratório de Tecnologia Farmacêutica da FFUP), o II Encontro de Geofarmácia visa divulgar trabalhos de investigação e discutir as perspetivas de futuro no campo da Geofarmácia. O encontro contará igualmente com a participação de oradores, investigadores de várias universidades, incluindo a Universidade do Porto, e representantes de empresas.

Ainda 11 de maio, pelas 17h30, tem início uma iniciativa promovida pelo Conselho Pedagógico da Faculdade de Farmácia designada “Conferências do Pedagógico”. A iniciativa pretende ser um conjunto anual de conferências que visam apresentar e discutir temas de interesse para a comunidade académica da FFUP. A primeira conferência terá como tema “Farmacêutico Hospitalar: Mudança de paradigma” e estará a cargo da Florbela Braga, Diretora dos serviços farmacêuticos do Instituto Português de Oncologia, Francisco Gentil, EPE Porto.

Para o dia 19 de maio, a partir das 16h00, está reservado um seminário subordinado ao tema O Contexto da procriação medicamente assistida em Portugal. Durante o evento serão abordados temas como: o enquadramento legal da procriação medicamente assistida; causas da infertilidade, e a investigação etiológica do casal infértil. A organização do seminário estará a cargo da Irene Rebelo, professor da FFFUP (Departamento de Ciências Biológicas, Laboratório de Bioquímica) e de Alice Pinto, Embriologista Clínica Sénior do Centro de Procriação Medicamente Assistida, CMIN/CH Porto.

A encerrar o mês, nos dias 24 e 25, terão lugar dois curso a cargo do Programa Doutoral em Biotecnologia Molecular e Celular Aplicada às Ciências da Saúde, orientado em parceria pelos docentes Lucília Saraiva (FFUP) e Pedro Granja (ICBAS). Estas formações terão como temas Biopharmaceuticals development: from discovery to first in man flow and issues e Development of an immunotherapy against infection and multiresistant bacteria.