Artur Pimenta Alves é o novo Diretor do INESC TEC

Investigador regressa à Direção do INESC TEC, que ajudou a fundar em 1985 (na altura com a designação de INESC no Porto)

Investigador regressa à Direção do INESC TEC, que ajudou a fundar em 1985 (na altura com a designação de INESC no Porto)

O Conselho Geral do INESC Porto nomeou, por unanimidade, Artur Pimenta Alves para o lugar de Diretor deixado vago por José Carlos Caldeira (que assumiu a presidência da Agência Nacional de Inovação – ANI). A nomeação marca o regresso do investigador aos comandos da instituição que bem conhece e da qual foi um dos fundadores.

Artur Pimenta Alves assume o cargo de Diretor temporariamente, até ao final do mandato em curso (biénio 2013/2014). O investigador foi um dos principais alicerces da instituição, sendo também uma das figuras mais emblemáticas e acarinhadas. Em 1985 liderou o projeto SIFO “Rede de Serviços Integrados por Fibra Óptica”, muitas vezes referenciado como a base do INESC TEC (primeiro INESC no Porto). Esteve nove anos na Direção do INESC Porto, da qual saiu em 2008, para se juntar à Administração da RTP Porto, onde assumiu um cargo na Direção do Centro de Produção da RTP Porto.

Regressou novamente ao INESC TEC no ano passado, trabalhando como consultor. De volta à cadeira que já conhece, são inevitáveis as comparações entre a instituição que fundou e viu crescer, e o momento atual. “Verifico que o INESC Porto ou o INESC TEC, realidade mais larga que entretanto temos liderado, é hoje muito diferente do que era no início. Está muito acima daquilo que o grupo de entusiastas que éramos no arranque podia algum dia imaginar ser possível. Transcendemos a nossa origem nas telecomunicações e estamos presentes em muitos outros setores com impacto significativo. A sustentação de todas estas frentes traz vantagens, pela fertilização cruzada que gera, mas apresenta novos desafios”, afirma.

Sobre aquilo que o INESC TEC pode esperar dele, diz estar ainda “numa fase de aprendizagem”, mas promete empenho nas comemorações dos 30 anos do INESC no Porto (em 2015). “Estando já envolvido em diversos projetos dos 30 anos, irei continuar a dedicar atenção a essa frente. A meu ver, é um momento importante para que possamos comunicar o que fazemos fora do círculo habitual de contactos técnicos em que nos movemos”, afirma Artur Pimenta Alves.

Artur Pimenta Alves junta-se, assim, aos restantes elementos da Direção do INESC TEC – DIP (José Manuel Mendonça, João Abel Peças Lopes, Mário Jorge Leitão e Vladimiro Miranda), que endereçam ao novo Diretor “uma palavra de sincero agradecimento, em nome da DIP, dos associados e da instituição, pela sua disponibilidade para, uma vez mais, vir dar o seu contributo neste momento tão importante para a instituição”, refere o Presidente do INESC TEC, José Manuel Mendonça.