INESC TEC estuda integração de central solar fotovoltaica no Ruanda

O INESC imageTEC concluiu os estudos relativos à integração de uma central solar fotovoltaica de 15 megawatts no Ruanda, uma das maiores da África oriental.

O trabalho avaliou os impactos da ligação do parque solar fotovoltaico, através da análise do comportamento em regime permanente e dinâmico do sistema elétrico mediante variações do recurso renovável.

Os estudos foram desenvolvidos pelos investigadores do INESC TEC, Luís Seca, Carlos Moreira (também Professor da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto) e Bernardo Silva, para a Gesto Energy, empresa portuguesa de consultadoria que ganhou o concurso internacional para construir e operar a central fotovoltaica no Ruanda. Este projeto da Gesto Energy, em parceria com a sociedade sul-africana TMM Renewables, representa um investimento superior a 20 milhões de dólares (14,7 milhões de euros).