ICBAS tem “novo” Centro Clínico e de Investigação Veterinária

Centro Clinico e de Investigação Veterinária de Vairão

Inauguração do “novo” CCIVV incluiu uma aula prática com estudantes de Medicina Veterinária do ICBAS. (Foto: U.Porto)

“Um dia importante para a Universidade do Porto e para a estratégia que tem vindo a ser implementada em Vairão”. As palavras pertencem a Sebastião Feyo de Azevedo, Reitor da Universidade da U.Porto, e marcaram a inauguração, no passado dia 26 de fevereiro, do renovado Centro Clínico e de Investigação Veterinária de Vairão (CCIVV) do Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar da Universidade do Porto (ICBAS), uma unidade dedicada ao ensino, investigação e prestação de serviços ligados à Medicina Veterinária de animais de grande porte.

Situado no concelho de Vila do Conde, coração de uma das mais importantes regiões agropecuárias do país, o CCIVV é o palco de grande parte da formação prática dos estudantes de Medicina Veterinária do ICBAS. Entre as atividades ali desenvolvidas incluem-se também a investigação científica de ponta nas áreas da nutrição e experimentação animal e a prestação de serviços à indústria e comunidade envolvente especialmente vocacionados para a cirurgia e reprodução de espécies pecuárias e equinos, bem como de animais de companhia.

Afetando as diferentes valências do centro, os melhoramentos agora inaugurados incluem a construção de dois vestiários para os estudantes, a criação de salas de aula e de convívio, melhoramentos ao nível do saneamento e da ventilação, a disponibilização de uma sala de receção para animais e companhia (para inseminação de cadelas e éguas) e uma remodelação profunda da um bloco operatório destino à cirurgia de equinos, de acordo com as mais exigentes regras de certificação internacionais.

Centro Clinico e de Investigação Veterinária de Vairão

A renovação do incluiu a remodelação de um bloco operatório destinado à cirurgia geral em equinos. (Foto: Joana Carvalheiro / ICBAS)

“O que se investiu agora foi para melhorar as condições de trabalho e para que pudéssemos proporcionar um espaço mais confortável e funcional aos nossos estudantes, docentes, funcionários e a todos os que nos procuram”, destaca Carla Mendonça, docente do ICBAS e diretora do Centro.

Já o Reitor da U.Porto vincou “a importância estratégica do Centro no quadro da aposta que a Universidade do Porto tem vindo a realizar no Campus de Vairão”, no qual se incluem ainda as instalações do CIBIO e o pólo de Ciências Agrárias da Faculdade de Ciências (FCUP). “Em paralelo com este desenvolvimento, muito importante por razão das exigências académicas do curso do ICBAS, estamos a terminar as obras de um espaço para as equipas das ciências agrárias que estamos a formar juntamente com outras universidades, no âmbito do consórcio U.Norte.pt, e acredito que, com este grande investimento, vamos ter aqui três grandes centros ligados aos domínios da biodiversidade, das ciências agrárias e da veterinária”, referiu Feyo de Azevedo.

Na sessão esteve ainda presente a Presidente da Câmara Municipal de Vila do Conde, que não escondeu o “orgulho” e a “extrema importância de ter no concelho uma infraestrutura de excelência como esta”. Lembrando “todo o esforço que foi feito para que este dia chegasse”, Elisa Ferraz manifestou a disponibilidade para “reforçar o forte trabalho de proximidade” que a autarquia tem mantido com a Universidade, “em reconhecimento do trabalho de grande qualidade que aqui é feito”.

Mais transportes para os estudantes

A inauguração do “novo” CCIVV ficou ainda marcada pelo anúncio do reforço dos meios de transporte ao dispor dos estudantes do ICBAS para chegarem a Vairão. Para o efeito, entrará brevemente em funcionamento uma carrinha que fará o transporte entre as linhas de metro mais próximas e o ICBAS. Em paralelo, “estamos a trabalhar com as transportadoras de modo a que haja mais ligação ao polo agrário”, anunciou Elisa Ferraz.