Homenagem a Hernâni Monteiro eternizada em livro

Hernâni Monteiro é reconhecido pelo contributo que deu para a modernização da educação médica em Portugal. (Foto: DR)

Vai ser apresentado no próximo dia 12 de março, na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP), o livro “Hernâni Monteiro. Figura Eminente da U.Porto”, focado nas comemorações que a instituição dedicou, em 2014, à vida e à obra do histórico professor e investigador da FMUP.

Com coordenação de Amélia Ricon Ferraz, professora da FMUP e especialista em História da Medicina, o mais recente lançamento da U.Porto Edições “recupera” então os momentos mais marcantes da iniciativa que, entre novembro de 2014 e abril de 2015, celebrou aquele que é um dos maiores vultos da Medicina e da cidade do Porto do início do século XX. Foi o caso da exposição “Hernâni Monteiro e a Medicina na primeira metade do século XX”, evento que marcou o início das comemorações e que colocou em destaque as “qualidades superiores de docente, investigador e gestor e a sua cultura médica, literária e artística”.

O programa da “Figura Eminente” 2014 incluiu também um ciclo de conferências e um colóquio dedicado à “Personalidade Multifacetada” do homenageado. As comemorações encerraram na Reitoria da U.Porto, com uma performance do Teatro Universitário do Porto (TUP), do qual Hernâni Monteiro foi fundador. O livro agora editado reúne as intervenções dos participantes nestes e noutros eventos que então decorreram.

Pioneiro no ensino da Medicina em Portugal e responsável pela primeira linfangiografia (visualização por raios X das vias e dos gânglios linfáticos) realizada a nível mundial, Hernâni Monteiro (1891-1963) pertenceu à célebre Escola Portuguesa de Angiografia que nasceu depois das descobertas de Egas Moniz (1874-1955). Diretor do Instituto de Anatomia (1947-1961) e do Centro de Estudos de Medicina Experimental da Faculdade de Medicina da U.Porto, foi Presidente da Associação Médica Lusitana e notabilizou-se como um dos fundadores do Hospital São João.

Em 1948, criou o Teatro Universitário Clássico do Porto e, entre 1951 e 1954, tornou-se Vereador da Cultura na Câmara Municipal do Porto. Ao longo da sua vida, recebeu várias distinções como o Grau de Cavaleiro da Legião de Honra pelo Governo francês (1957), as insígnias de Grande Oficial da Ordem de Administração Pública (1955), as insígnias da Ordem de Santiago de Espada (1961) e o Doutoramento Honoris Causa pela Faculdade de Medicina da Universidade de Salamanca

A apresentação do livro “Hernâni Monteiro. Figura Eminente da U.Porto” está marcada para as 18h00, na Aula Magna da FMUP, e será feita por Walter Osswald, professor emérito de Farmacologia e Terapêutica da FMUP. Na sessão vão estar também presentes o diretor da FMUP, Altamiro da Costa Pereira, o Reitor da U.Porto, António Sousa Pereira, e o presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar de São João, António Oliveira e Silva.

A entrada é livre.