GPS para espaços interiores é a ideia do ano na U.Porto

Audio GPS. iUP25k 2016 (vencedores)

A ideia vencedora foi desenvolvida por Diamantino Freitas, João Moutinho e Rui Araújo, investigadores da FEUP. (Fotos: Egídio Santos / U.Porto)

Encontrar a sala que se procura num hospital, a loja que se pretende num centro comercial ou a obra de arte que se quer ver num centro de exposições pode muitas vezes ser um desafio exasperante, dificultado por labirintos de indicações contraditórias. Mas e se encontrar o caminho certo for possível de forma rápida e apenas com a ajuda do smartphone e… do som? Passa por aí a proposta dos criadores do Audio GPS, uma tecnologia de localização global para espaços interiores idealizada por três investigadores da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) e grande vencedora da edição de 2016 do iUP25k, o Concurso de Ideias de Negócio da U.Porto.

Concebida de modo a permitir e facilitar a localização em espaços interiores, a tecnologia desenvolvida por Diamantino Freitas, João Moutinho e Rui Araújo, agora distinguida com um prémio de 15 mil euros (patrocinado pelo Banco Santander), permite ao utilizador captar, através do smartphone ou do tablet, sinais aúdio – impercetíveis – emitidos por um sistema sonoro pré-existente ou a criar facilmente no edifício, possibilitando desta forma a determinação da sua posição global, à semelhança do que acontece nos sistemas de GPS por satélite. De resto, e em comparação com outras soluções existentes no mercado, o Audio GPS permite trazer para o interior dos edifícios – hospitais, áreas comerciais, espaços públicos, etc. – grande parte das vantagens dos tradicionais sistemas de GPS outdoor, de uma forma mais eficaz, económica e preservando a privacidade do utilizador.

iup25k-02

A equipa da Travel Cache recebeu o 2.º prémio do iUP25k das mãos de Cristina Dias Neves, Diretora de Relações Institucionais e Projetos Universitários do Banco Santander Totta.

No segundo lugar da edição 2016 do iUP25k, correspondente a um prémio no valor de 5 mil euros, ficou o Travel Cache, um serviço especialmente pensado para facilitar a vida de quem costuma viajar em em negócios. Desenvolvido por Florian Rehm , Pedro Silva e Richard Ancuta, todos eles estudantes do Mestrado em Inovação e Empreendedorismo Tecnológico (MIETE) da U.Porto, este serviço dá ao viajante a possibilidade de receber a sua bagagem no local de destino, permitindo-lhe maximizar o tempo e diminuir o stress da viagem.

iup25k-03

A WEStoreonTEX foi contemplada com o terceiro prémio da edição deste ano do iUP25k.

O terceiro lugar, igualmente distinguido com 5 mil euros, foi para o WEStoreOnTEX, um sistema de produção de têxteis que armazena energia para alimentação de dispositivos portáteis e/ou sensores de monitorização utilizados em Desporto, Saúde e Bem-Estar. A ideia está a ser desenvolvida por três investigadores – Clara Pereira (REQUIMTE/LAQV), André Pereira e Rui Costa (IFIMUP-IN) – do Departamento de Química e Bioquímica e do Departamento de Física e Astronomia da Faculdade de Ciências (FCUP).

Para além dos três prémios principais, o iUP25k 2016 distinguiu também as melhores ideias nas áreas das Tecnologias da Informação e da Energia. No domínio das TIC, o Audio GPS acrescentou à a vitória no concurso o Prémio Best TIC, um galardão patrocinado pela Microsoft Portugal e que garante aos vencedores apoio em coaching e mentoring, acesso a aconselhamento sobre programas de financiamento, acesso ao Programa BizSpark da Microsoft para startups de âmbito tecnológico, apoio para acesso a programas internacionais da Microsoft e ainda a oferta de dispositivos mobile da Microsoft. Já o WEStoreOnTEX ficou com o Prémio Best Energy Business, no valor de 2000 euros, patrocinado pela KIC Inno Energy.

A lista de premiados deste ano inclui ainda a Colligi, uma plataforma para gestão de coleções desenvolvida por quatro investigadores da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, que conquistou o Prémio do Público, determinado após uma renhida competição no Facebook do concurso.

A edição 2016 do iUP25k contou com a participação de 34 ideias candidatas que, durante cerca de dois meses, foram sujeitas a um rigoroso processo de seleção e desenvolvimento que incluiu várias etapas e culminou com uma sessão final realizada na Casa do Infante.

Os prémios foram entregues no passado dia 4 de junho, durante a primeira edição do Startup Fest, promovido pelo Clube de Empreendedorismo da U.Porto (CEdUP).