Futuros médicos levam Saúde e Bem-Estar à população do Porto

Semana da Saúde, AEFMUP

A Semana da Saúde e do Bem-Estar tem como objetivo promover o contacto entre os estudantes de Medicina e a população.

A Semana da Saúde e do Bem-Estar está de volta à cidade do Porto com rastreios  gratuitos de glicemia e de hipertensão arterial abertos a toda a população. A iniciativa é da Associação de estudantes da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (AEFMUP) e vai envolver mais de cem estudantes da FMUP.

Os rastreios são abertos a todas as pessoas, independentemente da idade, e vão ter lugar em frente ao Centro Hospitalar de São João, nos dias 28 e 29 de março,  entre as 10h00 e as 16h00, e no dia 30, entre as 10h00 e as 12h00. Nos dias 31 de março e 1 de abril, das 10h às 16h, será a vez da Praça Gomes Teixeira, junto à Reitoria da Universidade do Porto.

Recorde-se que a hipertensão arterial, a diabetes e a obesidade são conhecidos fatores de risco para o desenvolvimento de patologias cardiovasculares e apresentam uma elevada prevalência entre os portugueses, sendo responsáveis por 40% dos óbitos no nosso país.

A par dos rastreios gratuitos, haverá também a iniciativa “Joãozinho”, nos dias 29 e 30 de março, onde os estudantes da FMUP vão ceder o seu tempo às crianças internadas na Pediatria do Hospital S. João, para lhes ensinar a importância da alimentação saudável, higiene pessoal e do sono.

Inserida nas comemorações do Dia Mundial da Saúde (7 de abril),  Semana da Saúde e do Bem-Estar tem como objetivo “possibilitar o contacto entre os estudantes de medicina e a comunidade e sensibilizar a população para a importância de adotar estilos de vida saudáveis, de forma a diminuir os comportamentos de risco e a minorar os efeitos destes na saúde, a longo prazo”, explica Pedro Neves, responsável pelo Departamento de Saúde Pública da AEFMUP.