Futuro da indústria de produção em debate no Porto

São cerca de 200 os especialistas dos quatro cantos do mundo que se reúnem no Porto para debater o futuro da indústria de produção na International Conference on Flexible Automation and Intelligent Manufacturing (FAIM 2013).

Considerada como o principal fórum internacional para a disseminação da investigação, da teoria e das práticas mais recentes e mais relevantes em todos os ramos da Automação e da Produção, a FAIM 2013 realiza-se de 26 a 28 de junho, no Porto (Hotel Porto Palácio) e tem organização do INESC TEC, com o apoio da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP).

As atenções deste evento internacional estão viradas para Engelbert Westkamper, do instituto Fraunhofer (Alemanha) e um dos principais decisores na área das indústrias de produção na Alemanha e na Europa, que apresenta as linhas estratégicas para o setor em 2030, no dia 26 de junho, pelas 10h. Destaque ainda para as intervenções de José C. Caldeira (INESC TEC, Portugal), que discute o papel dos clusters no aumento da competitividade na indústria de produção, às 10h do dia 27 de junho, e de Lihui Wang (Royal Institute of Technology, Suécia), que avalia os desafios para o aumento da sustentabilidade nesta área, no dia 28, também pelas 10h.

A Conferência FAIM 2013 promove ainda workshops práticos e especializados sobre temas quentes na área dos sistemas de produção, como a aposta na robótica para criar fábricas inteligentes, a importância de planificar e gerir a produção na fábrica de uma forma energeticamente eficiente, o papel das metodologias LEAN para aumentar a eficiência de uma fábrica e o impacto da smart data na criação de sistemas de produção inteligentes. Ao longo dos três dias de conferência, investigadores de todo o mundo apresentam também trabalhos inovadores, que demonstram o impacto de áreas de relevo tais como simulação, social media, redes industriais, sistemas de produção digitais, gestão da qualidade, assim como de novas tecnologias (RFID, Cloud Computing, entre outras) na competitividade sustentável dos sistemas de produção no futuro.

  • mozart justino vaz

    .arabens Universidade do Porto por receber brasileiroa no programa ciencias sem fronteiras .Abraço mozart justino vaz, pai da aluna marilia vaz estudante de engenharia nesta conceituada Universidade,