FEUP recebe final europeia de competição de engenharia

EBEC FEUP 2015

Para além da competição propriamente dita, os participantes vão ter a oportunidade de conhecer um dos espaços emblemáticos da invicta. (Foto: DR)

Uma das maiores competições de engenharia europeia vai acontecer em Portugal pela primeira vez. De 2 a 11 de agosto, a EBEC (European BEST Engineering Competition) tomará de assalto os corredores e espaços da Faculdade de Engenharia da U.Porto (FEUP), e será o palco principal para 120 estudantes oriundos de todos os cantos da Europa. Pela primeira vez a organização deste evento e o desenho da competição, que conta com a chancela da UNESCO, ficou a cargo do BEST Porto, num esforço que envolve mais de 70 estudantes das faculdades de Engenharia e Ciências da U.Porto.

O dia 3 de agosto marca o início desta aventura para os 120 estudantes de engenharia vindos de vários países europeus. A sessão de boas-vindas está agendada para as 9h00, na Casa da Música. É um primeiro dia dedicado sobretudo a conhecer de perto os participantes, empresas e instituições parceiras desta edição da EBEC, e que servirá também para dar a conhecer um dos espaços emblemáticos da invicta.

Os restantes dias serão dedicados à competição e à vertente cultural. Esta é também uma boa oportunidade para divulgar a cultura e tradições portuguesas.. Nos dias de competição, os 120 estudantes e a comissão organizadora mudam-se para a Faculdade de Engenharia. A competição é dividida em duas modalidades:

– Na prova de “Team-Design” os estudantes são convidados a desenvolver um protótipo “surpresa”, criando um modelo real e funcional através de materiais de baixo custo. Além deste modelo, os participantes devem também desenhar o seu protótipo num software 3D usando workstations fornecidas pela Dell. As duas provas de Team-Design são patrocinadas pela Dell.

– Na prova de “Case-Study”, os estudantes assumem o papel de CEO e procuram resolver casos de estudo reais, recorrendo, entre outros, a princípios de gestão. Para esta edição estão previstos quatro casos de estudo para “resolver”, fornecidos pelo Deutsche Bahn, European Patent Office (EPO), Reply e Colquímica.

Trata-se de uma excelente oportunidade para os estudantes testarem as suas capacidades técnicas e de improviso, de raciocínio e lógica, de noções matemáticas e de princípios de engenharia. Ao mesmo tempo que estimula outras competências como conseguir trabalhar em equipa e de comunicar com pessoas com diferentes backgrounds que tornarão esta experiência absolutamente inesquecível.

A sessão de encerramento do evento será no dia 10 de agosto no Palácio do Freixo, outro espaço emblemático da cidade do Porto, e engloba uma feira de emprego com as fornecedoras dos tópicos da competição (Deutsche Bahn, EPO, Reply, Colquímica e Dell) e a Sakthi Portugal, um dos principais parceiros do evento.

O programa completo da iniciativa encontra-se disponível aqui.

O que é o BEST Porto?

O Grupo Local BEST Porto, fundado há 19 anos, sediado e apoiado pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), está também representado na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP). Atualmente conta com a participação ativa de mais de 70 membros e, a nível local, abrange mais de 10 000 alunos de ambas as faculdades. O BEST Porto organiza, anualmente, mais de 10 eventos locais e internacionais.

O projeto EBEC é desenvolvido pelo BEST, uma associação de estudantes voluntários a nível europeu, não governamental e sem fins lucrativos. Fundada em 1989, tem como objetivo o desenvolvimento da educação complementar, o apoio à carreira, a internacionalização e o envolvimento educacional dos estudantes, através da promoção de serviços e atividades que aproximam estudantes, empresas e universidades. Atualmente, o BEST está presente em 33 países europeus, tendo 96 grupos locais (6 deles em Portugal: Almada, Aveiro, Coimbra, Faro, Lisboa e Porto), abrangendo assim um universo de cerca de 1 300 000 estudantes europeus e contanto com cerca de 3 600 membros.

Recentemente, a EBEC Porto foi creditada pela Reitoria da Universidade do Porto, graças ao sucesso das edições anteriores. Por este motivo, na presente e em futuras edições desta competição a nível local, cada participante estará habilitado a receber 1,5 ECTS pela participação.