FEUP procura campeão de aviões de papel

(foto: D.R.)

Red Bull Paper Wings (Foto: D.R.)

Uma folha de papel, criatividade, força, habilidade e uma dose de positivismo. É tudo o que é necessário para participar na Red Bull Paper Wings, uma competição mundial que procura, entre os estudantes universitários, o maior piloto de aviões de papel.

São sete as etapas de apuramento espalhadas por todo o país, estando o arranque da competição marcada para o próximo dia 26 de fevereiro na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP). Sob o lema “o objetivo é voar, não aterrar!”, a competição assinala a sua quarta edição, que decorre de acordo com as regras internacionais da Paper Aircraft Association (PAA) e com os regulamentos do Guinness World Record.

A RedBull Paper Wings disponibiliza três categorias de avaliação: “distância”, “tempo de voo” e “acrobacias”.  Nas áreas de Maior Distância e Maior Duração do Voo, a base é uma simples folha de papel (folha fornecida pela Navigator – papel oficial) e todos os tipos de ajuda ou dispositivos suplementares são proibidos. Já na categoria de Acrobacias, os “engenheiros” aeronáuticos amadores poderão utilizar tesoura, cola e outros materiais para construir o seu avião – tendo depois um minuto para impressionar um júri de três elementos. Quanto mais alto, longo e acrobático for o lançamento, maiores são as probabilidades de ganhar a final nacional da competição, marcada para o dia 28 de março, no almada fórum. Desta final nacional vão sair os eleitos para a grande final Mundial, que decorre nos dias 8 e 9 de maio na Áustria, e que vai reunir cerca de 90  diferentes países.

Mais informações disponíveis em: http://www.redbullpaperwings.com/

Sobre a Red Bul Paper Wings

Recordes mundiais:

Maior Distância de Voo: 63,19 metros (Stephen Krieger / EUA / 2003)

Maior Tempo de Voo: 27,9 segundos (Takuo Toda / Japão / 2009)

Campeões mundiais:

Maior Distância de Voo: 50,37 metros (Tomas Beck / Rep. Checa / 2012)

Maior Tempo de Voo: 10,68 segundos (Elie Chemaly / Libano / 2012)

Acrobacia: Ryan Naccarato e Tomasz Chodryra