Faculdade de Letras propõe três dias à volta da Ética

Com uma intensa intervenção académica e cívica, Adela Cortina é autora de uma extensa obra no campo da Filosofia.

A filósofa Adela Cortina vai estar na Faculdade de Letras da Universidade do Porto (FLUP) nos próximos dias 17, 18 e 19 de abril, para liderar três lições em torno da Ética na vida pública, um dos temas centrais na sua obra filosófica.

Em cada dia da iniciativa discutir-se-á um tema diferente. No primeiro dia debate-se a “Democracia autêntica e Neuropolítica” (dia 17). Segue-se uma lição intitulada “Por uma Economia ética (dia 18). A iniciativa encerra a 18 de abril com uma sessão em que se vai refletir “A missão da Universidade no século XXI”.

Adela Cortina é a primeira filósofa residente do Instituto de Filosofia da Universidade do Porto, um programa de periodicidade anual que pretende acolher pensadores que se destacam pelo seu contributo para o pensamento filosófico. Adela Cortina é Catedrática de Ética da Universitat de València e é Diretora da Fundação “Ética de los Negocios y las Organizaciones” (ÉTNOR). Com uma intensa intervenção académica e cívica, é também autora de uma extensa e influente obra, na qual se incluem muitas dezenas de artigos e obras.

A participação é livre, mas sujeita a inscrição prévia para o email do Instituto de Filosofia ifilosofia2@letras.up.pt. O número de lugares é limitado, a ocupar por ordem de inscrição.

Todas as sessões terão lugar no anfiteatro nobre da FLUP, entre as 17h30 e as 19h30.

Mais informações no site do Instituto.