Faculdade de Ciências comemora 103.º aniversário

FCUP Exteriores

Os estudantes serão protagonistas no Dia da FCUP 2014.

A Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP) celebra o seu 103.º aniversário no dia 8 de outubro, mas os presentes serão entregues aos docentes, colaboradores e estudantes da faculdade.

Como vem sendo habitual nos últimos anos, a cerimónia comemorativa do Dia da FCUP será aproveitada para reconhecer o sucesso dos estudantes e o contributo dos docentes e colaboradores da Faculdade de Ciências.

A decorrer no Auditório Ferreira da Silva da FCUP, a partir das 14h30 do dia 8 de outubro, a sessão do Dia da FCUP 2014 arrancará com as intervenções do seu Diretor, António Fernando Silva, de um representante dos colaboradores da faculdade e do presidente da Associação de Estudantes da FCUP.

Será depois a vez do orador convidado, Henrique Leitão, professor de História e Filosofia das Ciências da Faculdade de Ciências de Lisboa, proferir a intervenção de fundo da cerimónia.

A cerimónia incluirá ainda a homenagem aos funcionários aposentados, a atribuição de prémios escolares a estudantes que se tenham destacado pelas boas classificações obtidas, a entrega de diplomas aos novos doutorados e mestres e a atribuição do Prémio Centenário, criado no 100.º aniversário da FCUP para distinguir anualmente uma personalidade ou instituição que tenha contribuído para o prestígio da Faculdade. O encerramento será da responsabilidade do Reitor da Universidade do Porto, Sebastião Feyo de Azevedo.

Reitoria da U.Porto

O edifício histórico da “Praça dos Leões” foi a primeira casa da Faculdade de Ciências.

Juntamente com a Faculdade de Medicina, a Faculdade de Ciências foi uma das duas faculdades constituintes da Universidade do Porto, quando esta foi instituída pelo primeiro Governo da República, em 1911. A FCUP tem, por isso, a mesma idade da sua Universidade. Mas as suas origens remontam às primeiras experiências de Ensino Superior da cidade do Porto, nomeadamente a Aula de Náutica (1762), a Aula de Debuxo e Desenho (1779), a Academia Real de Marinha e Comércio (1803) e a Academia Politécnica (1837).