Estudantes internacionais da U.Porto dão “aulas” nas escolas da cidade

Os estudantes vão percorrer 12 escolas do ensino básico e secundário do Porto para dar a conhecer a cultura e a língua do seu país. (Foto: TVU.)

A partir desta segunda-feira, dia 13 de novembro, os alunos do ensino básico (3.º ciclo) e secundário da cidade do Porto vão passar a contar com uma nova “disciplina” muito especial. Na pele de professores estarão os mais de 60 estudantes internacionais da U.Porto envolvidos em mais uma edição do projeto “Aulas Sem Fronteiras”, uma iniciativa promovida pela Universidade e pela Câmara Municipal do Porto que, até final do mês, vai passar por 12 escolas para dar a conhecer a cultura e a língua de 25 países de todo o mundo.

Da vizinha Espanha ao longínquo Uzbequistão, com escalas em Itália, Turquia, África do Sul, Colômbia, Brasil, Peru, Índia, Irão ou Indonésia, o roteiro preparado pela U.Porto prevê um total de 48 aulas ligadas às disciplinas de Português, Inglês, Francês e Espanhol. O grande objetivo passa por promover a partilha de experiências entre os estudantes internacionais a realizar um período de mobilidade na Universidade do Porto, e os jovens alunos portuenses.

Nesta primeira edição do ano (está prevista uma outra para o segundo semestre), as Aulas Sem Fronteiras prolongam-se até 29 de novembro. Até lá, os “professores” internacionais da U.Porto vão passar pelas escolas Eugénio de Andrade (13, 16, 17, 22 e 24 de novembro), Carolina Michaelis (13, 14, 15, 16, 17, 20, 22 e 23 de novembro), Cerco (13 e 16 de novembro), Pêro Vaz de Caminha (13 de novembro), Alexandre Herculano (13 e 20 de novembro), Rodrigues de Freitas (14 e 29 de novembro), Gomes Teixeira (14, 16 e 23 de novembro), António Nobre (14 e 21 de novembro), Clara de Resende (14, 16 e 17 de novembro), Viso (14 e 21 de novembro), Fontes Pereira de Melo (15, 17, 20 24, 28 e 29 de novembro) e Maria Lamas (28 de novembro).

Recorde-se que, só no primeiro semestre deste ano letivo (não estão contabilizados os estudantes que vão chegar no segundo semestre), perto de 1500 (1452) estudantes oriundos de 67 países distintos – estão a cumprir um período de estudos nas 14 faculdades da U.Porto ao abrigo de programas de mobilidade internacional. Brasil, Espanha, Itália, Alemanha e Polónia são as nacionalidades mais representadas num grupo dominado pelos estudantes europeus, mas que conta também com estudantes provenientes da África do Sul, Argentina, Cazaquistão, China, Chile, Egito ou Japão.

Vídeo da edição 2015: