Uma solução “made in U.Porto” para aumentar produtividade das empresas

Scraim

Ferramenta junta o melhor do mundo da gestão de projetos com o melhor do mundo da gestão de processo.

Nasceu na mente de um grupo de estudantes da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), ganhou vida no “berço” de empresas do Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto (UPTEC) e está no mercado desde o passado dia 20 de outubroChama-se “Scraim” e promete auxiliar as pequenas e médias empresas a aumentar a sua produtividade e a reduzir os seus gastos.

Mas o que é afinal o Scraim? Trata-se de uma ferramenta completa de gestão de projetos de Software as a Service (SaaS), baseada nas mais avançadas metodologias com mecanismos de suporte à decisão. O objetivo é juntar o melhor do mundo da gestão de projetos com o melhor do mundo da gestão de processo, providenciando às empresas o acesso a um serviço “low cost” de gestão de projetos, apoiado por processos de desenvolvimento configuráveis.

Centro de Inovação UPTEC

Projeto desenvolvido pela FEUP, Strongstep e Multicert evoluiu para uma spin-off do UPTEC,

Resultado de um consórcio de investigação, desenvolvimento e inovação que contou com a colaboração da FEUP, da Strongstep e da Multicert, e evoluiu entretanto para uma spin-off do UPTEC, o serviço encontra-se disponível não só através de uma aplicação Web, mas também via smartphone ou tablet. Ambas as versões podem ser acedidas a qualquer hora em qualquer lugar, o que as torna flexíveis o suficiente para se adaptarem às necessidades mais especificas dos clientes.

Numa primeira fase, as ambições da startup passam por conquistar cerca de 4.000 utilizadores na versão gratuita do Scraim. Posteriormente, o objetivo será promover o serviço na Europa e nos EUA, onde a empresa pretende instalar um escritório até 2017

Mais informações no site oficial do Scraim.