Estudantes da U.Porto vencem edição nacional do StartUp Programme

Vencedoras do StartUp Programme 2015

Sandra Fernandes e Catarina Domingues impuseram-se entre os 56 estudantes presentes na final nacional do StartUp Programme. (Foto: Junior Achievement Portugal)

Uma equipa da Universidade do Porto, composta pela estudante do Mestrado em Marketing da Faculdade de Economia (FEP) Sandra Fernandes e por Catarina Domingues, do Mestrado em Engenharia Biomédica da Faculdade de Engenharia (FEUP), venceu a final nacional do StartUp Programme, que teve lugar a 29 de maio, em Lisboa.

Esta competição universitária de empreendedorismo, organizada pela Junior Achievement Portugal em parceria com várias Universidades Portuguesas, reuniu 56 estudantes universitários do Norte a Sul do País, que apresentaram as suas ideias de negócio perante um júri constituído por Gonçalo Faria, Strategy Manager da Accenture, António Lucena de Faria, Fundador e CEO da Fábrica de Start Ups, Pedro Pires, Diretor Compensação e Desempenho e Diretor de Recursos Humanos do Millennium bcp e Ricardo Soares, Diretor Pós-Venda da Hyundai.

O Start Up Programme visa fomentar as competências e atitudes empreendedoras dos estudantes universitários, que ao longo de um ano letivo desenvolvem em equipa um projeto de negócio.  Na U.Porto, este programa conta com o apoio e orientação de voluntários do Millennium bcp e da Accenture e de docentes que integram a plataforma de voluntariado docente V.IVE!

Nos sete anos de funcionamento do Start Up Programme, a U.Porto ganhou cinco vezes a final nacional, representando Portugal na Competição Europeia JA-YE Europe Enterprise Challenge com assinalável sucesso. As equipas da U.Porto conquistaram um terceiro lugar (TDT 2010, Bulgária), um primeiro lugar (FLICKS 2011, Espanha), o INTEL Innovation Award (FLICKS 2011), o “TTK Responsible Leadership Award“ (N2FIX 2012, Macedónia) e a presença na final europeia do Microsoft Digital Venice (Carla Abreu 2014, Itália).

A equipa Tangram vai agora marcar presença na competição europeia, organizada este ano pela JAP, de 1 a 3 de Julho, em Lisboa. Catarina Domingues adianta que “na competição europeia, manteremos a mesma postura empenhada, cientes da responsabilidade em contribuir para a imagem de Portugal como um país inovador e da oportunidade em promover o formato que propomos para os manuais escolares além-fronteiras”.