Estudantes da FCUP vencem “batalha” de informática universitária

Daniel Dong, Afonso Fernandes e Leonardo Santos conquistaram uma viagem e bilhete para uma das edições da GoTo Conference, um dos maiores eventos tecnológicos mundiais. (Foto: DR)

Uma equipa composta por estudantes do departamento de Ciência de Computadores da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP) conquistou a primeira edição da Battle of Universities, uma competição de programação informática que colocou frente a frente estudantes universitários de todo o país.

Nesta prova, que decorreu no início do mês no edifício Central Tejo do MAAT, em Lisboa, e em que participaram também estudantes da Faculdade de Engenharia da U.Porto (FEUP), equipas de três estudantes competiram em duas rondas com a duração de 2h30. A cada equipa era pedido que resolvesse uma série de desafios cientificamente estimulantes, no menor tempo possível, e acumulando pontos por cada desafio ultrapassado.

Os vencedores da Battle of Universities foram Afonso Fernandes e Leonardo Santos, estudantes do 3º ano da Licenciatura em Ciência de Computadore,s e Daniel Dong, do 3.º ano do Mestrado Integrado em Eng. Redes e Sistemas Informáticos, que juntos formaram os DinoTeam.

Os novos “Supremos Defensores Tecnológicos do Universo” conseguiram 268 pontos, contra os 267 dos segundos classificados. Numa competição que foi muito renhida, os DinoTeam resolveram com sucesso um problema a menos de 10 segundos do final da primeira ronda, conquistando na altura mais 75 pontos que se revelaram fundamentais para a vitória.

Como prémio os vencedores ganharam uma viagem e bilhete para uma das edições da GoTo Conference, um dos maiores eventos tecnológicos mundiais, que se realiza em várias cidades europeias, e ainda a possibilidade de vir a participar num projeto inovador com a EDP.

No total estiveram em competição 17 equipas da FCUP, FEUP, Instituto Superior Técnico, e das universidades do Algarve, Aveiro, Coimbra, Lisboa, Minho e Nova de Lisboa.

A primeira edição da Battle of Universities contou com a organização da unicórnio portuguesa OutSystems, expert em desenvolvimento de plataformas low-code, em parceria com a EDP e com a colaboração científica das universidades de Coimbra, do Minho, Algarve, Lisboa, Porto e Nova de Lisboa, que trabalharam com a OutSystems na criação dos desafios.