Estudantes da FAUP distinguidos em prémio internacional de Arquitetura

Proposta "Los Baños Romanos de Tongobriga" de Catarina Araújo de Azevedo (Imagem: DR)

Proposta “Los Baños Romanos de Tongobriga” de Catarina Araújo de Azevedo (Foto: DR)

A Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto (FAUP) obteve duas Menções Honrosas na edição deste ano do Prémio Internacional de Projetos sobre Património Arquitetónico para Estudantes de Arquitetura AR&PA.

Os trabalhos “Los Baños Romanos de Tongobriga”, de Catarina Araújo de Azevedo, e “Conservación de las ruinas romanas de Tongobriga, Marco de Canavezes, Portugal”, de Marcos Meireles Veiga, foram premiados na categoria “Projetos de Proteção e Intervenção em Lugares Arqueológicos”.

Os dois projetos foram realizados no âmbito da 4.ª edição do Curso de Estudos Avançados em Património Arquitectónico (CEAPA) promovido pela FAUP no ano letivo 2015/2016, na Unidade Curricular de Metodologias de Projecto – Tema 1 (Património Arqueológico), sob orientação do Professor Pedro Alarcão.

Projecto para as ruínas romanas de Tongobriga conforme proposta "Conservación de las ruinas romanas de Tongobriga, Marco de Canavezes, Portugal" de Marcos Meireles Veiga (Foto: DR)

Projeto para as ruínas romanas de Tongobriga conforme proposta “Conservación de las ruinas romanas de Tongobriga, Marco de Canavezes, Portugal” de Marcos Meireles Veiga (Foto: DR)

Neste edição do Prémio AR&PA, foram atribuídas vinte distinções a trabalhos de estudantes de arquitetura na área do Património Arquitetónico em quatro categorias.O Prémio AR&PA 2016 é organizado pela Escuela Técnica Superior de Arquitectura de la Universidad de Valladolid (ETSAVA), Espanha, em colaboração com a Dirección General de Patrimonio Cultural de la Consejería de Cultura y Turismo de la Junta de Castilla y León (España) e o Vicerrectorado de Internacionalización da Universidad de Valladolid, e faz parte do programa da 10ª Bienal de Restauro e Gestão do património – AR&PA Sociedad y Patrimonio que terá este ano Portugal como país convidado (10 a 13 de Novembro de 2016, Valladolid, Espanha).

O Júri do Prémio foi constituído por Juan Carlos Arnuncio Pastor (Arquitecto, Professor Catedrático ETSAM), Eduardo González Fraile (Arquitecto, Professor Catedrático ETSAVA), Marco Antonio Garcés Desmaison (Arquitecto, Dirección General de Patrimonio Cultural, Consejería de Cultura de la Junta de Castilla y León) e Iván Rincón Borrego (Arquitecto, Professor ETSAVA).

Os projetos premiados e finalistas serão alvo de publicação num catálogo e participarão numa exposição para apresentação dos trabalhos selecionados a decorrer no âmbito da 10ª Bienal de Restauro e Gestão do património – AR&PA Sociedad y Patrimonio, no Centro Cultural Miguel Delibes de Valladolid, durante a qual ocorrerá a entrega dos Prémios.

Os dois trabalhos premidos da FAUP integram ainda a Exposição ‘ANUÁRIA ’16 – Permanências e rupturas do Ensino/Aprendizagem em Arquitectura na FAUP‘ (localizados na parte inferior do átrio da Biblioteca). A ANUÁRIA pode ser visitada até 25 de novembro, de segunda a sexta-feira, entre as 9h00 e as 19h00, na Galeria de Exposições da FAUP. A entrada é livre.

Mais informações em www.fa.up.ptwww.arquitectura.uva.es