Estudante da FEUP premiada em simpósio internacional

O evento é organizado anualmente pela Sociedade Portuguesa de Segurança e
Higiene Ocupacionais (SPOSHO).

Lidia Sandoval, estudante do Programa Doutoral em Segurança e Saúde Ocupacionais da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), foi reconhecida com o prémio de Melhor Artigo de Investigação, atribuído pela Comissão Científica do Simpósio Internacional Sobre Segurança e Higiene Ocupacionais 2019 (SHO 2019).

O evento, organizado anualmente pela Sociedade Portuguesa de Segurança e Higiene Ocupacionais, constitui o principal fórum de discussão científica ao nível da Segurança e Saúde Ocupacionais. A edição deste ano decorreu em Guimarães, nos dias 15 e 16 de abril.

O trabalho premiado, intitulado Real Time Fatigue Assessment: Identification and Continuous Tracing of Fatigue Using a Physiological Assessment Algorithm, incide sobre o desenvolvimento de um dispositivo que permite monitorizar a fadiga de um individuo sobre carga física e psicológica muito intensa. O artigo foi desenvolvido num projeto de colaboração com o Exército Português, envolvendo o Curso de Comandos e financiado parcialmente pelo Centro de Investigação da Academia Militar.

A sessão de abertura do SHO 2019 contou com a presença do Vice-Reitor da Universidade do Porto, António Cardoso, que participou na mesa redonda sobre o tema “I&D em Segurança e Saúde Ocupacionais na relação Universidade – Empresa”. Na sessão participaram também o Pró-Reitor da Universidade do Minho e os representantes da Autoridade para as Condições de Trabalho e das empresas BRISA e Continental Mabor.

No decorrer do simpósio foram apresentadas cerca de 200 comunicações de autores provenientes de 15 países como a Turquia, os Estados Unidos, a China, a Indonésia, o Irão, entre outros. A Universidade do Porto participou com mais de 3 dezenas de artigos maioritariamente provenientes de alunos do Mestrado em Engenharia de Segurança e Higiene Ocupacionais e do programa de Doutoramento em Segurança e Saúde Ocupacionais, ambos da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.

Dos trabalhos apresentados, cerca de metade foram selecionados para publicação pela editora Springer na sua coleção “Studies in Systems, Decision and Control”.

O SHO 2019 contou com o apoio das Universidade do Porto, Universidade do Minho, Universidade de Lisboa, Universidade Técnica de Delft e Politécnica da Catalunha.