Equipa de investigação da FMUP recebe Bolsa de Diabetologia

Equipa da FMUP venceu a bolsa atribuída pela Sociedade Portuguesa de Diabetologia, no valor de 5 mil euros.

Uma equipa de investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) recebeu recentemente a Bolsa DR. M.M. Almeida Ruas SPD/Novo Nordisk, da Sociedade Portuguesa de Diabetologia. A bolsa, no valor de 5 mil euros, foi atribuída durante o 11.º Congresso Português de Diabetes, que decorreu entre os dias 6 e 9 de março em Vilamoura.

O projeto vencedor, do qual é responsável Carla Morgado, docente do Departamento de Biologia Experimental da FMUP, tem como título “Implantação espinhal de enxertos neuronais monoaminérgicos para alívio da dor neuropática diabética: uma nova abordagem terapêutica”. Da equipa de investigação fazem ainda parte Daniel Martins, aluno do 5.º ano do Mestrado Integrado em Medicina da FMUP; Marta Silva, aluna do Programa Doutoral em Neurociências da FMUP; Isabel Martins e Isaura Tavares, ambas docentes da FMUP.

Este trabalho tem como finalidade “avaliar os efeitos da libertação prolongada de serotonina e noradrenalina, alcançada pela implantação intratecal de enxertos neuronais monoaminérgicos auto-viáveis microencapsulados, na neuropatia diabética dolorosa”, como explica Carla Morgado. Assim, serão fornecidos dados “potencialmente relevantes à criação de uma nova abordagem terapêutica de alívio prolongado da dor refratária associada à neuropatia diabética”, acrescenta. Esta terapia será, em perspetiva, mais eficaz do que as atualmente utilizadas.

A Bolsa DR. M.M. Almeida Ruas SPD/Novo Nordisk constitui um incentivo às atividades de investigação científica e divulgação na área da Diabetologia, visando assim promover o progresso das Ciências Médicas em Portugal no campo da diabetes.