Educação de alunos surdos em discussão na FPCEUP

linguagem gestualFaculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade do Porto (FPCEUP) acolhe nos dias 18 e 19 de novembro o 1º Congresso Nacional EREBAS – Escolas de Referência para a Educação Bilingue de Alunos Surdos, um evento que vai reunir na U.Porto elementos de várias escolas de referência para a educação bilingue de alunos surdos.

Oito anos depois após a entrada em vigor da legislação que regulamenta a educação de crianças e jovens surdas/os através da criação das EREBAS (Escolas de Referência para a Educação Bilingue de Alunos Surdos), torna-se importante fazer um balanço da aplicação da lei e da conformidade das práticas com os princípios que configuram a criação destas Escolas. Em causa estão assuntos como o facto de a concretização da lei conduzir a uma reflexão sobre o recrutamento e estatuto de docentes (surdas/os e ouvintes), de intérpretes e de terapeutas da fala, deixando de fora as reflexões sobre os processos de ensino e aprendizagem, ou o estatuto e a presença da LGP (Língua Gestual Portuguesa) e da LP (Língua Portuguesa) na escola.

Com este encontro, dedicado à temática “8 anos – Trajetórias, princípios e práticas“, pretende-se assim proporcionar momentos de partilha de conhecimentos e de práticas desenvolvidas ao longo dos oito anos de existência das EREBAS, nomeadamente identificando distintas modalidades da interpretação e concretização da lei, diferentes soluções encontradas, bem como dificuldades sentidas, promovendo uma reflexão conjunta que permita avaliar o percurso já realizado e contribua para melhorar ou consolidar as práticas já desenvolvidas.

O Congresso terá tradução/interpretação em LGP – Língua Gestual Portuguesa. É acreditado pelo CCPFC para efeitos de progressão na carreira docente e pela DGAE para a carreira de pessoal não docente.