Docente da FEUP na Comissão Executiva do Colaboratório para as Geo-Ciências

O C4G agrega 17 instituições nacionais e uma rede europeia (foto: D.R.)

António Fiúza, Professor Catedrático do Departamento de Engenharia da Minas (DEM) da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP),  integrou recentemente a Comissão Executiva do Colaboratório para as Geo-Ciências (C4G), organismo criado com o objetivo de  funcionar como uma infraestrutura sólida de partilha de informação e de prestação de serviços na área das Geociências da Terra Sólida.

Agregando 17 instituições*, nas quais se inclui uma Direção Geral, um Laboratório de Estado, várias faculdades e instituições de Ensino Superior, esta estrutura foi formada em 2010 e segue-se pelos princípios de um Laboratório Colaborativo (nasceu numa altura em que os mesmos ainda não existiam).  Integrante da rede europeia European Strategy Forum on Research Infrastructures (ESFRI), a C4G foi desde logo acolhida pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), que a incluiu na Rede Nacional de Infraestruturas Científicas. No entanto, a fase de reconhecimento final e de atribuição de orçamento específico à estrutura ocorreu em meados de 2017, tendo sido obtido um financiamento para os três primeiros anos de atividade.

No que toca ao papel específico da Comissão Executiva do C4G, este passará por elaborar estratégias coerentes, exequíveis e possíveis de implementar e desenvolver durante o seu mandato, até 2020, momento em que se iniciará a fase operacional, quer a nível nacional, quer a nível europeu.

António Fiúza não esconde a satisfação e orgulho de pertencer à CE da C4G: “Depois de ter participado, durante quase quatro anos, no esforço coletivo de concepção e criação desta rede nacional e na sua articulação internacional, será com enorme satisfação e empenho pessoal que também contribuirei para a implementação efetiva da rede e, se possível, ampliando as linhas temáticas atualmente disponibilizadas a nível nacional e europeu.”

As eleições decorreram no passado dia 15 de novembro, havendo uma lista única candidata.

* Instituições incluídas:  Direção Geral do Território, Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências da Universidade do Porto, Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores do Porto, Instituto Português do Mar e da Atmosfera, Instituto Superior Técnico, Laboratório Nacional de Energia e Geologia, Universidade de Aveiro, Universidade da Beira Interior, Universidade de Coimbra, Universidade de Évora e Universidade de Lisboa