CINTESIS em iniciativa europeia contra a rinite alérgica em adultos e idosos

O CINTESIS – Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde está a participar, enquanto membro do Centro de Excelência em Envelhecimento Ativo e Saudável do Porto (Porto4Ageing), numa iniciativa europeia designada Twinning MACVIA-ARIA, que visa melhorar a compreensão, o diagnóstico e a abordagem terapêutica da rinite alérgica junto da população adulta e idosa.

A iniciativa visa a transferência de práticas inovadoras e a utilização em larga escala de soluções digitais na área da saúde, designadamente a implementação da aplicação Allergy Diary, desenvolvida pela MACVIA LR, por dezenas de outros “Reference Sitesdo EIP on AHA – The European Innovation Partnership on Active and Healthy Ageing.

A app Allergy Diary é uma aplicação móvel para doentes com rinite alérgica desenvolvida por uma equipa de especialistas europeus e disponível gratuitamente para download, quer para Android, quer para iOS, em 20 países e em 15 línguas, tendo sido já testada por mais de 5.000 utilizadores de diversas idades. Esta aplicação permite manter registos dos sintomas de rinite e de asma, bem como do uso de medicamentos, e possibilitará também a integração de um sistema de suporte à decisão clínica.

De acordo com João Fonseca, investigador do CINTESIS e professor da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP), Portugal é um dos países a registar um maior número de utilizadores da app Allergy Diary. O médico imunoalergologista espera que o nosso país “continue a dar o exemplo na adoção de tecnologias inovadoras dirigidas a pessoas com doenças crónicas” e que o número de utilizadores nacionais da app Allergy Diary “continue a aumentar”.

No âmbito deste Twinning, a app Allergy Diary irá integrar a versão eletrónica do CARAT, um questionário desenvolvido no âmbito do CINTESIS, a segunda maior Unidade de Investigação sediada na U.Porto. Já traduzido em 25 línguas e adaptado em 9 países, o CARAT permite quantificar o grau de controlo da asma e da rinite através da resposta a 10 questões sobre sintomas das vias respiratórias, sono, limitações à atividade diária e necessidade de aumentar a medicação.

A longo prazo, este Twinning pretende providenciar novas abordagens individualizadas e preditivas aos adultos e idosos com rinite, ao mesmo tempo que permite a interação entre “Reference Sites” de diferentes regiões da Europa, aumenta a transferência de know-how e incrementa o networking na área das doenças respiratórias.

Em Portugal, o Twinning MACVIA-ARIA está a ser desenvolvido numa parceira nacional que envolve os “Reference Sites” Ageing@Coimbra e Porto4Ageing, sendo os coordenadores científicos para a área da rinite alérgica Ana Todo-Bom e João Fonseca, professores da Universidade de Coimbra e da U.Porto, respetivamente.

A rinite é uma das doenças mais comuns na Europa, estimando-se que afete mais de 20% da população adulta e idosa em 2020. As alterações decorrentes da idade e a polimedicação são fatores que podem condicionar um adequado controlo da rinite nestas populações. Sendo uma doença ainda subdiagnosticada e subtratada, a rinite pode interferir, de forma significativa, com a atividade física, com a produtividade no trabalho e com a qualidade de vida.