CIIMAR recebe estudantes de excelência dos Estados Unidos

Os alunos realizaram uma sessão de mergulho em Peniche a 5 e 10 metros de profundidade

Os alunos norte-americanos realizaram uma sessão de mergulho em Peniche a 5 e 10 metros de profundidade

O Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental da Universidade do Porto (CIIMAR) recebeu recentemente um grupo de sete estudantes da Escola Secundária de Niceville, Flórida, EUA,  para realizar uma campanha de inventariação da biodiversidade marinha, aplicando o protocolo de amostragem do programa NaGISA (Natural Geography in Shore Areas).

Liderados pelo professor Richard Hernandez e orientados por investigadores e colaboradores do CIIMAR (Débora Borges, Raquel Vieira, Rita Araújo, Marcus Rubal e Cláudia Albergaria), os estudantes, selecionados pelo seu percurso de excelência, realizaram uma sessão de mergulho a 5 e 10 metros de profundidade em Peniche para inventariação da biodiversidade subtidal, onde recolheram amostras de fauna e flora subaquáticas que posteriormente foram processadas nos laboratórios do CIIMAR.

O grupo de alunos da Flórida teve também a oportunidade de interagir com seis alunos do 12º ano e a sua professora Rita Rocha do Colégio Luso-Francês, realizando em conjunto a triagem e identificação das amostras de algas recolhidas nas poças de maré da praia rochosa da Aguda, para inventariação da biodiversidade intertidal, seguindo o protocolo MOBIDIC.

Esta iniciativa, realizada entre os dias 8 e 11 de junho, enquadra-se nos diversos projetos de promoção da Literacia dos Oceanos que estão a ser desenvolvidos pelo CIIMAR, tais como o “MOBIDIC”; “Biodiversidade do nosso mar: Conhecer para Preservar” e SeaChange.

O programa NaGISA tem sido desenvolvido pela escola norte-americana em países como a Costa Rica, na Turquia, no Egito, na Grécia, na Tanzânia e no Japão.