Ciência 2.0 vence Prémio Nacional Multimédia

José Azevedo, coordenador do Cêência 2.0, receu o prémio em Lisboa. (Foto: Carlos Manuel Martins/Global Imagens)

O Ciência 2.0 – projeto de comunicação de ciência multiplataforma, desenvolvido na Universidade do Porto – venceu a 8ª Edição do Prémio Nacional Multimédia na categoria de Educação e Cidadania, atribuído pela Associação Multimédia (APMP).

Esta distinção foi conhecida no dia 2 de julho, numa cerimónia no Teatro Aberto, em Lisboa, e procurou, de acordo com a APMP, destacar e reconhecer o valor da produção multimédia nacional e premiar o talento e a criatividade de quem opera neste setor.

Lançado em 2012 (a primeira “aparição” pública  teve lugar na 10ª Mostra da U.Porto), o Ciência 2.0  propõe uma abordagem inovadora ao conhecimento científico, onde a prioridade passa por comunicar as diferentes áreas da ciência de forma simples e eficaz. É nesta lógica que a componente multimédia surge como um dos pilares principais do projeto, pretendendo-se desta forma comunicar a ciência em diferentes plataformas e formatos, para assim tornar o conhecimento mais próximo do público.

O projeto é cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), através do Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN) e do Programa Operacional Fatores de Competitividade (COMPETE) e por fundos nacionais através da Ciência Viva.

O site do Ciências 2.0 pode ser acedido em http://www.ciencia20.up.pt/. O projeto também está no Facebook em http://www.facebook.com/ciencia20.