Ciclo “FEUP lança Porta-Jazz” abre com “Guerra e Paz” de Paulo Gomes

Créditos Fotográficos: Mínima.

É a próxima iniciativa do Comissariado Cultural da Faculdade de Engenharia da U.Porto (FEUP) e arranca já no dia 2 de março, com um concerto no grande auditório. Intitulado “FEUP lança Porta-Jazz 2017”, o ciclo de concertos abre ao som do novo trabalho do conceituado pianista e compositor Paulo Gomes, “Guerra e Paz”, interpretado pelo coletivo MAP.

“O novo disco de Paulo Gomes estende firmemente as suas asas numa arcada de estéticas opostas. De um lado surge meio corpo de uma picassiana pomba da paz, com traços essenciais e limpos. Acariciam momentos cristalinos onde o quarteto usa o espaço com amplitude serena. A delicadeza chega a ser um quinto membro da banda, para a interação. Do outro lado temos meio avião de combate, pronto a um ataque devastador. Este caos programado, ruidoso e violento em geral, deixa por vezes tensos silêncios; os silêncios com a memória da destruição. Guerra e Paz consegue fazer voar até às alturas emocionais mais elevadas um sugestivo híbrido de polos contrários”, descreve Abe Rábade, instrumentista e compositor de jazz espanhol.

Para além de Paulo Gomes, ao piano o MAP levará ainda ao palco do grande auditório da FEUP o guitarrista Miguel Moreira, o contrabaixista Miguel Ângelo e o baterista Acácio Salero.

O concerto vai acontecer às 21h30 e o acesso é gratuito (sujeito à lotação da sala) mediante levantamento antecipado de bilhete. Os bilhetes estão disponíveiscinco dias úteis antes da data do espetáculo no Infodesk/FEUP (segunda a sexta, das 9h30 às 13h e das 14h às 17h30), ou na bilheteira do Auditório da FEUP no dia do espetáculo (abertura da bilheteira uma hora antes do espetáculo).

Mais informações através do e-mail ccultur@fe.up.pt