CIBIO-InBIO lidera “caça” a novos seres vivos em Serralves

O BioBlitz Serralves 2018 tem entrada e participação gratuitas.

O Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto (CIBIO-InBIO) vai regressar este fim-de-semana (21 e 22 de abril) ao Parque de Serralves para ajudar a procurar de novas espécies de seres vivos ali existentes. Pelo quinto ano consecutivo, o programa BioBlitz desafia assim a comunidade a descobrir e classificar as espécies da fauna e flora do parque, através inventários biológicos relâmpago. Em edições anteriores já se descobriram dezenas de espécies novas (briófitas, líquenes e insetos).

O BioBlitz Serralves 2018 distingue-se por juntar especialistas, voluntários, famílias, estudantes e professores na busca pela biodiversidade . Tudo isto num local que constitui “parte fundamental da estrutura ecológica do Porto, contribuindo para a diversidade de habitats que ocorrem em espaço urbano”, antecipa a organização.

Entre as atividades que vão preencher os dois dias do BioBlitz (sábado, dia 21, entre as 10h00 e as 24h00; e, no domingo, das 08h00 às 19h00) incluem-se oficinas científicas e pedagógicas, saídas de campo com investigadores, jogos, workshops e um espetáculo (“Água”, da Circolando – Cooperativa Cultural, com o apoio da LIPOR). O evento  conta ainda com o apoio de vários municípios.

No final do evento, haverá  uma contagem das espécies encontradas em cada grupo (plantas, líquenes, cogumelos, répteis, anfíbios, invertebrados, aves e micromamíferos).  Apesar de o número de espécies descobertas tender a diminuir com o passar das edições, ainda no ano passado foi descoberta uma espécie de inseto inédita em Portugal.

O CIBIO-InBIO é um centro de investigação da U.Porto que se dedica ao estudo das principais componentes da biodiversidade (genes, espécies e ecossistemas). O BioBlitz é uma das várias iniciativas em que participa para promover o conhecimento naquela área científica.

A participação é livre  gratuita. O programa completo pode ser consultado aqui.