Belas Artes com “Liberdade Imprescindível” na Casa-Museu Abel Salazar

Liberdade Imprescindível (acção e pensamento) – update é o título da exposição temporária que irá inaugurar no dia 14 de outubro, sábado, na Casa-Museu Abel Salazar (CMAS).

Esta mostra coletiva é o resultado do trabalho de investigação levado a cabo pelos alunos do Doutoramento em Artes Plásticas da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (FBAUP): Ana Allen, Claúdia Tavares, Diana Trindade, Filipe Rodrigues, Flávia Costa, Pedro Cachapuz, Pedro Mesquita e Susana Pinto, e por três artistas convidados: André Alves, Cláudia Rocha e Samuel Silva.

As obras são fruto de uma negociação contínua, determinada pela investigação em nome individual que cada um tem desenvolvido, segundo uma intensa busca pela liberdade ao nível da acção e do pensamento, visível, desde logo, no campo expandido em que as obras se enquadram: pinturas, desenhos, técnicas de impressão, instalações, som, etc. que se encontram lado a lado, numa posição de diálogo voluntário e absolutamente necessário.

A exposição estará patente na CMAS até 18 de novembro.

Horário: segunda a sexta, das 9h30 às 17h30, sábado, das 14h30 às 17h30. Encerra aos domingos e feriados.