CINTESIS “abre os olhos” aos empreendedores da Saúde

“BISTAS LARGAS – para ver mais do que o óbvio” foi uma das iniciativas selecionadas pelo programa ScaleUp Porto para estimular a cultura empreendedora da Invicta. (Foto: DR)

Para criar novos conhecimentos, soluções ou produtos através da investigação, apurar novas ideias de negócio e aprofundar as variáveis tecnológicas e de mercado relevantes para a criação de uma nova empresa, não basta focar apenas nas áreas nucleares, como planos de negócio e fontes de financiamento. É necessário investir também em zonas periféricas, menos visíveis, frequentemente esquecidas, mas que protegem e/ou potenciam o novo negócio.

É a pensar na melhoria das competências “satélite” dos empreendedores/inovadores na área da Saúde que o CINTESIS – Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde vai organizar um conjunto de três sessões de formação e discussão interativas dedicadas a três áreas que podem fazer a diferença no momento de lançar um novo produto ou serviço, na área das Tecnologias aplicadas à Saúde: Propriedade Intelectual, Regulamentação/Certificação de Dispositivos Médicos e Comunicação.

Batizada de “BISTAS LARGAS – para ver mais do que o óbvio”, a iniciativa arranca no dia 14 de setembro, com a sessão dedicada à Propriedade Intelectual. Estas sessão promete abordar os meandros da proteção das marcas, das patentes e dos direitos de autor –  questões que tendem a ser ignoradas pelos criadores, mas que são essenciais para garantir aos autores das inovações uma vantagem competitiva no mercado. As universidades têm um papel particularmente relevante neste âmbito, pelo que a U.Porto Inovação foi convidada a colaborar na promoção desta sessão.

No dia 21, alargam-se horizontes na área da Regulamentação/Certificação de Dispositivos Médicos.  Quando os medicamentos ou a intervenção cirúrgica não são suficientes, a solução pode passar pela mecânica, pela física ou pelas novas tecnologias. Os dispositivos médicos permitem salvar milhares de vida e o potencial de inovação neste âmbito é considerável. Para ajudar os criadores trilharem o caminho que há-de fazer chegar o seu produto ao mercado, esta sessão vai abordar os princípios básicos da regulamentação e da certificação de dispositivos médicos, contando, para isso, com a cooperação da Fraunhofer Portugal.

Para o final de setembro (dia 28), fica agendada a sessão sobre Comunicação. Numa sociedade marcada por grandes fluxos de informação, quem comunica não existe. Ser capaz de comunicar uma nova ideia, um novo produto, um novo negócio, pode não ser tão fácil como parece à primeira vista. Para ser impactante, a comunicação tem de ser devidamente planeada e atingir determinados objetivos. É por isso que a sessão de fecho do BISTAS LARGAS junta diferentes profissionais da Comunicação – do Jornalismo ao Marketing, passando pela Comunicação Digital – com o objetivo de ajudar os empreendedores a fazerem-se ouvir.

Note-se que o BISTAS LARGAS foi uma das 8 iniciativas selecionadas de um total de 57 candidaturas, no âmbito da Convocatória Aberta do ScaleUp Porto, iniciativa da Câmara Municipal do Porto de promoção do ecossistema de empreendedorismo, tecnologia e inovação da cidade.

As inscrições para as sessões são gratuitas e já se encontram abertas (vagas limitadas).