As causas por trás do drama dos Refugiados em discussão na FEUP

(foto: Creative Commons / Pixabay)

A 11ª edição do ciclo Novos Paradigmas decorre no dia 8 de abril (foto: Creative Commons / Pixabay)

A Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP) recebe no próximo dia 8 de abril mais uma edição do ciclo Novos Paradigmas, Debates e Iniciativas, na qual se abordará “O Drama dos Refugiados: suas causas e formas de as combater”.

Proporcionar um melhor conhecimento da situação política no Médio Oriente, clarificar os reais interesses por trás da instabilidade naquela região e o papel dos radicalismos religiosos como justificação e instrumentos de mobilização para as lutas pelo poder e salientar a importância do controlo do tráfico de armas e do desenvolvimento da Educação para a Paz são os principais objetivos desta 11.ª edição dos Novos Paradigmas. No painel de convidados vão estar personalidades de diferentes áreas de intervenção da sociedade: Arnaldo Pinho, Padre e professor universitário, filósofo e teólogo; Júlia Azevedo, Presidente da Direção do Sindicato Independente de Professores e Educadores (SIPE); António Costa e Silva, docente no Instituto Superior Técnico da Universidade de Lisboa (IST-UL) e CEO da empresa do setor do petróleo e gás PARTEX; Álvaro de Vasconcelos, diretor do Instituto para os Estudos de Segurança da União Europeia de 2007 a 2012; o jornalista José Goulão, grande conhecedor do Médio Oriente, entre outros.

“Os instrumentos da instabilidade no Médio Oriente”, “Educação para a Paz”, “Geopolítica do Médio Oriente” e “O comércio ilegal de armas e a corrupção” são alguns dos temas específicos colocados em cima da mesa para a discussão.

O primeiro debate conta com a abertura do Diretor da FEUP, João Falcão e Cunha e o encerramento do segundo debate será protagonizado pelo Pró-Reitor Manuel José Fontes de Carvalho, em representação do Reitor da Universidade do Porto, Sebastião Feyo de Azevedo.

A 11ª edição do ciclo dos “Novos Paradigmas, Debates e Iniciativas” é uma iniciativa conjunta da FEUP com o Sindicato Independente de Professores e Educadores (SIPE). A coordenação pertence a António Barbedo Magalhães, Professor Emérito da U.Porto na FEUP, que em dezembro de 2015 assumiu a Presidência da recém-criada Rede para o Desenvolvimento de Novos Paradigmas da Educação. Na 7.ª edição do debate Novos Paradigmas, realizada em março de 2014, António Barbedo lançou o livro “A Evolução dos Modelos Educativos e a Formação de Engenheiros-Cidadãos para o Mundo”, disponível aqui.

As inscrições estão abertas até 6 de abril e têm um custo de 20 euros para público em geral e de 10 euros para estudantes da U. Porto e sócios do SIPE, valor que inclui um pequeno jantar na FEUP e o acesso a documentos que permitem aprofundar os conhecimentos sobre a política internacional dos últimos cem anos, realizada em função dos interesses e da força das principais potências.

O formulário de inscrição encontra-se disponível aqui. Para mais informações, aceder ao site do evento.