A Lua nunca esteve tão “grande” em 86 anos

LuaEsta segunda-feira, 14 de novembro de 2016, ocorre uma lua cheia quase em simultâneo com o mais próximo perigeu (ponto de maior aproximação à Terra) em 86 anos. Esta “super” lua cheia irá proporcionar um efeito visual extraordinário, e por isso o Planetário do Porto – Centro Ciência Viva irá promover uma sessão pública de observação da Lua com telescópios, entre as 19h00 e as 21h00, no edifício do Planetário do Porto / Centro de Astrofísica da Universidade do Porto (CAUP).

Neste dia, a Lua estará a uma distância de 356 509 km da Terra, cerca de 50 mil km mais próxima do que no apogeu (ponto de maior afastamento da Terra). Por isso, na noite de 14 para 15 de novembro, a Lua estará cerca de 15% mais brilhante do que numa lua cheia típica, e 30% mais brilhante do que numa lua cheia que ocorre no apogeu.

Para além das observações, a equipa do Planetário do Porto e do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) irá utilizar modelos à escala da Terra e da Lua, recorrendo ainda ao moderno sistema de projeção digital fulldome, para ajudar à compreensão deste fenómeno.

A última vez que a humanidade viu a Lua tão perto de nós foi em 26 de janeiro de 1948, e não teremos a oportunidade de a voltar a ver tão perto até 25 de novembro de 2034.

Este evento é de entrada livre e gratuita.